De onde você me conhece?

Publicado: setembro 29, 2009 em Uncategorized

” Perguntou Natanael: De onde me conheces? “

( João 1. 48 )

A maior dificuldade no relacionamento humano  é conhecer  e ser conhecido. Vem antes de perdoar, de ajudar. Sem conhecer o outro tudo fica muito, mas muito mais difícil. Conhecer  e ser conhecido.Verdadeira, profunda e decididamente. Conhecimento assim pressupõe generosidade – há um preço a ser pago, entre outras “moedas”,  em termos de tempo. Tempo, esse bem valiosíssimo , esse tesouro dos tesouros. Conhecer e ser conhecido pelo outro sem que tempo seja gasto? Impossível.  tempo gasto em conversas sem pressa e sem pauta, em mesas sem culpa, em separado – quando a conversa é longa –  ou em ajuntamentos – quando se faz junto algo divertido . Tempo junto. Isso é o chão do conhecimento mútuo. Além disso, como conhecer alguém e ser devidamente conhecido sem vulnerabilidade? Ser vulnerável é descartar as máscaras inúteis , supostas defesas da reputação pessoal. Ser vulnerável é quase amar, se já não for. Sinceridade? É um fruto e um filho da vulnerabilidade. Quem não se desarma não se revela. Quem não tira a gravata , calça um par de chinelos velhos e convida pra um café na cozinha bagunçada ainda não sabe ser vulnerável.

Mas isso está ( quase ) soando meio conversa psicologizada de auto-ajuda … melhor pensar em Deus.

Deus me conhece de longe. Muito longe.

Antes do mundo ser mundo.

Antes do brilho da primeira estrela.

Antes do dia e noite iniciais.

Antes do antes do antes, Deus me conhecia e re-conhecia.

E conhecendo minha miséria e queda, meu desejo de ser só e de só ser

Sem Deus, sem graça, sem eira nem beira, ser humano,

Ele me amor. Pensou em mim. Gastou tempo nisso.

( Se bem que tempo pra Deus é coisa misteriosa demais . Mas fico com a idéia – é boa e ajuda :

Deus gastou tempo pensando em mim. Que coisa ! )

E então, ô susto, ô surpresa – a vulnerabilidade de Deus em Cristo.

Deus virou homem fraco pra que eu o conhecesse.

Deus tirou a coroa de Deus, desceu do trono de Deus, sem coroa, cetro, pompa.

Deus me conhece de longe e de muito. Ah, esse Deus!

Preciso parar e me ajoelhar. Não aguento. Aleluia.

##

Anúncios
comentários
  1. vitorio disse:

    Deus nos conhece antes de tudo exitir e nos criou para louvor da sua gloria, hora e outra achamos que Deus não esta nos vendo, tolice conhece todos os nossos dias antes de vermos a luz do dia até para toda eternidade. Soli deo gloria, amo a todos os santos amados de Deus.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s