O Reino de Deus é uma festa

Publicado: agosto 20, 2009 em Uncategorized

 

 

“Jesus lhes falou novamente por parábolas, dizendo:  “O Reino dos céus é como um rei que preparou um 

banquete de casamento para seu filho.  Enviou seus servos aos que tinham sido convidados para o banquete, 

dizendo-lhes que viessem; mas eles não quiseram vir. ” 


Mateus 22.1-3

 

A festa está prontíssima: excelente e farta comida, ótimas bebidas, musica excepcional, ambiente decorado com enorme beleza, tudo muito generoso, acolhedor. Por que não aceitamos o convite? O Rei caprichou em tudo, sem medidas, sem economizar. É o casamento do seu filho, gente – por que não promover a Festa das festas, a Celebração das celebrações, o Folguedo dos folguedos? Por que não nos animamos a comparecer? É tudo alegria, cor, beleza, ordem, conforto, seda, linho, vinho e pão. Por que viramos as costas a essa maravilha toda? 

 

Mas, ainda bem,  há outros que podem vir. Querem vir. Virão. Os da rua, os sem-nada, os sem-ninguém, os improváveis ou os desprezados ou os esquecidos ou os empobrecidos: ” gente boa, gente má ” ( Mt 22.10 ). A Festa é para uns e tornou-se para todos … os que aceitarem o convite. A Festa mal começou. A Festa promete. 

 

Adoro festas: Natal, Aniversários, Casamentos. É tudo up, tudo azul, tudo dez. Mas passam. O resto da semana , o resto da vida engole as sobras da mesa, estoura as bexigas nas paredes, murchas as flores nos vasos. As pessoas se vão e a gente fica requentando os salgadinhos, tomando coca-cola sem gás , comendo bolo meio gelado, meio duro. As fotos, os vídeos tentam eternizar a festa. Meio vão: a festa são pessoas, conversa animada e ruidosa, abraços e sorrisos de reencontro, brindes, bandejas circulando, dança no salão.

 

É por isso que Deus da Bíblia , da Criação e da Eternidade, Pai, Filho e Espírito, Trindade-Comunhão-Família-Eterna-de-amor descreve a realidade das realidades, seu Reino, a esfera do seu ( amoroso e gentil ) domínio como …uma festa. A vida pode ser uma festa. A vida dos que vivem no Reino de Deus. A vida dos que aceitam o convite do Rei. O Reino de Deus é um festa. E quem desfruta dessa celebração deveria concordar com Agostinho : ” O cristão deveria ser um aleluia da cabeça aos pés. “

 

ORAÇÃO: Deus da alegria, Deus de todos e de tudo, eu não sei dizer o quanto sou indigno de estar nessa Festa. Mas só posso celebrar o convite da graça brindando contigo, comendo contigo, na tua mesa, com os nossos amigos  e irmãos, ” gente boa, gente má “, pobres como eu . Emocionado eu te agradeço a honra do convite imerecido e desfruto. Amém!

 

capanordpq

 

 

 

 

Anúncios
comentários
  1. ana endo disse:

    curtimos! vamos replicar no Portal Cristianismo Criativo. abração!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s